quinta-feira, 22 de junho de 2017

Um Mundo Com Rita

Ontem foi aniversário da Rita. Passei o dia adiando escrever uma mensagem qualquer, feita só pra participar da festa. Queria fazer a mensagem com artigo definido, de preferência, maiúsculo. Claro que a perfeição é inimiga do bom e tal e coisa. Nem mel nem cabaça, vamos resumir filosoficamente.

Mas há males que vem para encher a página com fotos nossas juntinhas.






Rita é essa doçura na minha vida. Esse alento. Essa referência. De muito que a gente, humano, deveria, poderia, gostaria de ser.

Um mundo em que a Rita fosse feliz, um mundo que não doesse na Rita, que não assustasse a Rita, que não irritasse a Rita (sim, ela fica braba que é uma beleza) seria um mundo bem bom de se viver.

É isso, amiga, que eu desejo nesse seu aniversário: que dê tempo a gente ver frestas deste mundo que não te magoasse, irritasse, assustasse. 

E é isso que desejo, pra mim, nesse seu aniversário: estar nos outros que vão chegar. Mais pertinho, algumas vezes. Uma conversa com café e bolo. Um abraço. Conversas no Skype. Um outro livro, talvez. Um mundo com Rita me faz melhor.

2 comentários:

Rita disse...

Ai, gente.
Acho que não sei comentar.

Obrigada, Lu. Obrigada por me ver tão bonita. Não sei como você faz isso, mas é uma alegria imensa. Sua presença em minha vida é um somatório enorme - ó lá, vou fervendo nos adjetivos.

Obrigada, querida. Amo você.

Aff, que coisa boa.

Anônimo disse...

Amei !!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...