domingo, 6 de julho de 2014

Portfólio

Eu só queria quilômetros a menos, uns anos a mais, roupas mais largas, abraços mais apertados. Eu só queria ideias mais claras e olhos mais turvos, festas menores e noites maiores. Eu só queria uma trilha sonora, as frases exatas, o cenário ideal. Eu só queria um clichê amigável, uma dor conhecida, um peito mais amplo, um passado mais leve, uma estrada mais larga, um bilhete de entrada. Uma casa mais arrumada, eu só queria um dia sem medo, um tiro no escuro, uma flecha no alvo, uma letra mais desenhada.

Ou um plano de fuga. Não precisar de rimas. Não precisar de linhas. Umas poucas certezas. Dobrar outras esquinas. Um enredo melhor. Uma bebida mais gelada. Um decote maior, um batom mais vermelho, uma morte mais rápida.


Se lembra quando a gente? Pois é. Nem eu.

Pra mim, viver tem gosto de mar. 

As crianças estão cantando na rua. Eu só queria partilhar isso com vocês.

Quando se foi tão, tão feliz, quando se vive no ombro do gigante, tudo que se pode esperar é que a queda seja em câmera lenta. 

Fazer, do peito, caixa de ressonância.

Aquele momento em que você reúne uma série de frases de efeito quase como um portfólio pra impressionar alguém e aí recorda que a linguagem é um abismo.

girassóis. e um convite.


Um comentário:

fal disse...

<3 <3

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...