sexta-feira, 10 de maio de 2013

Pra lá e pra cá

Oito meses. Daqui a uma semana eu completo 08 meses morando em Lisboa. Eu fico espantada como tem vezes que parece que cheguei a pouco. E eu fico espantada como às vezes parece que vivi sempre aqui. Ou seja, vivo de olho arregalado. O certo é que balanço mais que o pêndulo de Foucault nesse assunto. Fico torcendo que os das passem logo pra já chegar julho e eu cair em abraços e caranguejos. E, ao mesmo tempo, quero que demore, que se arraste, que me permita aproveitar essa situação que, eu bem sei, é de enorme privilégio. Pensando, não em resolver o impasse, mas agravá-lo em certo aspecto, combinei comigo mesma algumas ações pra aproveitar melhor (não no sentido utilitarista) meu tempo por aqui (dentro do meu poder aquisitivo, já que a CAPES achou por bem negar meu pedido de bolsa porque meu projeto era demasiado interdisciplinar). Então, resolvi – e espero cumprir – que mensalmente eu irei:

a) conhecer pelo menos uma cidade portuguesa que não Lisboa (em maio é Óbidos e em junho vou ao Porto);
b) visitar pelo menos um museu ou monumento (esse mês eu já fui ao Museu dos Coches e o próximo é o Museu do Azulejo)
c) assistir pelo menos uma peça ou concerto (em maio será Fausto)
d) começar o projeto que copiei da Iara, que consiste em escolher um lugar e fotografá-lo sistematicamente, acompanhando as mudanças das estações.

Não sou muito boa em planos, costumo atropelá-los e eles a mim, mas espero que, tratando-os como horizontes, fique tudo mais fácil. 




E eu até tenho uma ou outra coisa a mais pra dizer, mas vou deixar assentar, vou ruminar mais um tantinho porque a vida é doce mas é dura. 

3 comentários:

caso.me.esquecam disse...

perai. tu vai em agosto e tu volta, neh?

outra... o pai de camilo que eh (tambem) fotografo, fez uma parada dessas com a maquina e, pqp. ele tirou umas fotos TAO lindas que eu nem me atrevi a fazer o mesmo (mas acho que voce deve hehehe). umas com arco-iris, outra em que a casa da paisagem desaparecia nas brumas, outras com temporais... tao lindo! tao lindo!

a vida do lado de cah a gente redescobre todo dia.

e, seja qual for a resposta pra minha pergunta, aproveita MUITO e bem e tudo porque tu vai ter muitas saudades desses meses...

Palavras Vagabundas disse...

Antes que me esqueça, adorei a volta ao vermelho.
Espero que seus planos de aproveitar as terras portuguesas não só se realizem mas se ampliem.
bjs
Jussara

Das coisas que vejo e gosto. disse...

Oi flor!

Aproveite tudo!
Beijos

Selma

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...