sábado, 26 de novembro de 2011

Meme dos Filmes #24 - Melhor Par Romântico

O melhor casal. Eu queria fugir do óbvio e achar uma solução delicinha que nem a da Tina. Mas o fato é que não vou. Existem várias duplas de atores que – ao longo dos filmes – causou boa impressão, de Faye/Beatty em Bonnie e Clyde a DiCaprio e Kate Winslet, passando por (insira aqui seu casal preferido de 90 pra frente). Mas, penso, casal bom mesmo é aquele que mantém a química, a tensão, a beleza, o charme filme após filme. Melhor Par Romântico é o tipo de título que eu só dou a quem mantém a peteca no ar. Daí os candidatos sérios a este posto são:

a) Fred e Ginger (dez filmes juntos)– eles se detestavam, mas como brilhavam juntos. Ela disse: faço tudo que ele faz, só que de salto. Ao que ele retorquiu: Eu faço até um cabide dançar (e realmente fez). Anyway, parece diálogo roteirizado, né?

b) Bogart e Bacall (quatro filmes juntos) – quando eles se olham, é quente, pode apostar. Parece que vão, a qualquer momento, pular sobre o outro e, sei lá, arrancar as roupas com os dentes... mas não fazem isso, fazem ar blasé e continuam desfiando belos e elegantes diálogos.

c) K. Hepburn e Spencer Tracy (nove filmes juntos). Tá, eu não sei (e duvido que você saiba) o que aquele mulherão (em tamanho, inteligência e charme) viu naquele baixinho meio bobo. Mas convencem. É um filme melhor que o outro e, enquanto as luzes estão apagadas e as cenas se sucedem, tudo faz sentido.

d) Rock Hudson e Doris Day (nem sei quantos filmes juntos). Esse era O Casal em certa época do cinema. Confesso que vi poucos filmes (acho que só dois) e não estão na minha lista de amados (embora Hudson em Assim Caminha a Humanidade esteja maravilhoso). Mas, né, levavam pessoas ao cinema independente do filme, só pra vê-los juntos. Isso vale.

Matrimônio à Italiana


Mas os campeões, donos do meu coração, a melhor parceria/dupla/casal, o Melhor Par Romântico é Sophia e Marcello. Amigos, amantes, o que for, são maravilhosos, convincentes e comoventes. São encantadores e talentosos. Eles têm química. E magia. Luz. 14 filmes juntos. Amo Girassóis da Rússia (já falei no meme), Uma Giornata Particolare (já comentei aqui) e rio sempre como Matrimônio à Italiana. 

Nada é mais belo de se ver que Marcello e Sophia juntos. Nada é mais forte, intenso e verdadeiro que os dois contracenando. Nenhum par romântico me toca mais que Sophia e Marcello. São fascinantes, elegantes e simpáticos. São sedutores. São o que o cinema tem de melhor. 

3 comentários:

Tina Lopes disse...

MATOU A PAU, cachorra. Ok, Borboleta danada. hahahahahah AMEI

Sheyla Xavier - DMulheres disse...

Luciana
Você arrasa!!!Tem um olhar crítico sobre tudo, parabéns!!Olha, mas Elizabeth Taylor e Richard Burton - em Cleópatra - é de arrasarrrr e dá pra ver a paixão implícita e ainda fizeram 12 filmes juntos.
Bjokas

sandro caldas disse...

Impossível não achá-los maravilhosos! Belíssima escolha! Beijos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...