quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Foi-se

Em 09 de dezembro de 1977 morreu Clarice. Deixou-me, hoje, tão só.

Mais tarde tem post se não estiver soterrada em projetos de pesquisa...

6 comentários:

Mila Lopes disse...

Foi a hora dela partir, mas para tanto talento ela bem que foi cedo...
mas quem somos nós pra isso decidir?!


...Que minha solidão me sirva de companhia.
Que eu tenha a coragem de me enfrentar.
Que eu saiba ficar com o nada
e mesmo assim me sentir
como se estivesse plena de tudo.

Clarice Lispector

Bjs linda

Mila

Menina no Sotão disse...

E no dia 08 morreu Florbela e tantos outros poetas mais. Sei lá, a morte hoje é a desculpa que uso para escrever. Amanhã terei outra de certo. Vou varrer a casa e pensar palavras. Bacio

Atitude do pensar disse...

Um amigo queridíssimo disse:
- Tenho alma feminina.
- Por que? Perguntei.
- Me vejo em Clarice.
- Só quem não se reconhece enquanto um ser mutante é que não se enxerga nela. Disse eu.

Para ela e nós: "Eu sou à esquerda de quem entra. E estremece em mim o mundo. (...) Sou caleidoscópica: fascinam-me as minhas mutações faiscantes que aqui caleidoscopicamente registro.Sou um coração batendo no mundo."

Bjins para você querida borboleta.

Allan Robert P. J. disse...

Mais viva que nunca!

:)

Rafa disse...

Ano que eu nasci.. aquela ucraniana de sotaque gostoso do nordeste e palavras pontiagudas.. amo!

P.S. Qual o endereço pro Natal?

so sad disse...

puxa...logo eu nao falar nela hoje!

querida, tem selinho pra vc lá no blog!

beijo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...