sábado, 2 de outubro de 2010

Beber, Cair, Levantar


Vocês sabem (sabem, né) que estou no ninho. Vim votar. Bom, bom demais. Não tive tempo (nem idéias, confesso) pra nenhum post. Só quero ver a rua, a lua, as pessoas. Eu já disse que adoro trânsito? Acho que não, pois descobri ontem. Fui chegando na minha cidade, tudo engarrafado, tempo demais para percorrer um quarteirão e meu coração batendo de felicidade. Pois é, engarrafamento é o que há de bom. Assim, nas futuras listas do que me faz feliz, já se sabe, trânsito.

Chegando aqui, família, risos, janta. E o debate dos candidatos a presidente, morno, mas necessário. Hoje, mais gente, mais corpo, mais falas. Já, já, cinema. Estou tão carente de ir ao cinema que é capaz de eu chorar quando as luzes forem se apagando. E ainda tem amiga Adry, tipo um brinde de luxo. Tenho revisto planos, desejos, necessidades. Tenho revisto medos. Eu saio atropelando moços bonitos por que meudeus? Entre um pensamento e outro, cervejinha que ninguém é de ferro. Quer dizer, o fofo do Downey Jr. parece que é.

No mais, algumas atualizações necessárias:

Obrigada pelos votos na terceira etapa do concurso de blogueiras da Lola. Estou na próxima fase (a final) onde, todos juntos, vamos abarrotar de votos o post da Rita, combinado?


A quarta fase do concurso começou e não há dúvida possível, ninguém pode esquecer (trocadilho infame) de votar no post da Luci: Chega de Maçãs.

Um Muitos Anos de Morte bem carinhoso para meu blog de estima: É Tudo Gente Morta. Que as valas continuem cheias e os esqueletos a passear, serelepes, entre letras.

Bem vindos os novos "comentantes" e grata, sempre, aos de costume. Eu já disse que cada letrinha de vocês nos comentários é um mês a mais de vida pra mim?(assim, força na peruca e vamos caprichar na extensão dos comentários, né).

Domingo é dia de votar. Acho uma delícia votar. Aliás, acho uma delícia a democracia. Já disse que voto na Dilma? E porquê? Ah, já e já.

No menos, algumas atualizações desnecessárias...
Onde está você, além de aqui, dentro de mim? Onde está a palavra que me faz riso? Onde a mão que me faz fêmea? Onde os olhos que me fazem estrada? Porque eu chego antes? Porque parto sempre? Porque não sei fazer do desejo, espera? Porque não sei ver o tempo desfazer espaço? Porque não digo, apenas: não tenha medo, nunca quis perturbar você. Nunca quis perturbar mais do que tuas pernas, tuas mãos, teu sexo. E tuas idéias, de encantadora arrogância. (eu já li isso?).

Minha Versão: Cair, Beber, Levantar
Comer, Rezar e Amar é o nome do filme. Na minha versão tupiniquim seria Beber, Cair, Levantar. Mais divertido, mas com paisagens bem menos cinematográficas.

Fui ao cinema. Não, não chorei, mas quase. De raiva. É daqueles pra se esquecer em 12 horas. E umas mensagens de auto-ajuda bem chinfrins. Quem disse que dinheiro não traz felicidade? Aposto com quem quiser bancar que, se eu passasse quatro meses na Itália (dispenso totalmente a Índia e não vou nem ser exigente pedindo Bali), eu voltava feliz da vida. Ora, vinte dias já me deixaram em êxtase. E se a jornada espiritual terminar na cama do Javier Barden, sei não se ainda piso no chão. Claro que a primeira coisa que fiz ao chegar em casa foi espiar o tal Felipe que se chama na verdade José Nunes. Porque, vamos combinar, se ele fosse do naipe do Javier eu já estava preparando a meditação e vendendo o carro pra ir a Bali. Não foi preciso. Passa é longe. E tudo aquilo pra descobrir uma palavra interior? Amigo, depois de pegar o Javier eu escrevia uma enciclopédia inteira...

Um post bem sem propósito, bem sei. Posso confessar? Adoro escrever sobre nada com coisa nenhuma. Como aqui. E ali.

ENQUETE: Vocês acham que o tamanho da letra neste post está:
a) pequena demais, deusolivre;
b) dá pra ler, se espremer bem os olhos;
c) está legal, eu é que sou exagerada e gosto da letrona monstruosa...

7 comentários:

Peterson Quadros disse...

Primeiro sobre a letra...(b)...Gostaria um pouco maior, se possível com gelo e limao...
Post, post... Meus novos “Olhos borboletas” amam esse espaco... Os dois primeiros parágrafos: Me vi voltando a Floripa (sem engarrafamento. Coisas de cidade média)...Os amigos, as comidas, cinema, cerveja...ah..tudo!
Atualizacoes necessárias...
Eleicoes 2010...Adorei a sua escolha (teremos logo uma “presidenta”...). Porém, peco desculpas a Dilma porque ela tomará apenas meu segundo voto. O primeiro será do “post da Rita”. Me expressei corretamente?
Valeu pelo “É tudo gente morta”...muito bom o site.
Sobre as atualizacoes desnecessárias... nao vou me meter a entedido e comentar...deixa apenas eu curtir...
Ultimas coisas: Nao vou assistir ao filme e quero dizer que voce é ótima na “contrapropaganda”!
Um pedido: Escreva mais algumas centenas de “posts” sem propósito...
No mais...um sábado estupendo!

HG disse...

Borboletinha... Que inveja de vc na nossa linda Fortaleza!!! Tb quero trânsito... daí. Tb quero votar na Dilma!
Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh

Sobre enquete: letra maior, alstublieft(por favor)... tou tão metida!!! kkkkkkkk

Adorei o post do nada com coisa nenhuma...
bjs...

Caso me esqueçam disse...

1. é engraçado como certas coisas que poderiam ser negativas causam felicidade na gente quando voltamos à nossa terra. a quentura de JP me deixou hiper feliz quando cheguei. mas bastou eu me acostumar pra xingar o tempo todo dia :D

2. ooow, valeu pelo apoio no concurso da lola. nem sei o que dizer. hihihi tah sendo tao bom participar, tou conhecendo blogs tao legais! :D

3. camilo AMA javier barden! quase cogito a ideia de ter ciume...

4. acho que a letra tah pequena, mas eu sempre dou zoom na tela, independente do que esteja lendo, entao... :)

5. muito obrigada (muito! obrigada!) pela presença no blog, pelos comentarios gentis! serio, eu fico muito feliz. claro que nao tou esperando nada do tipo (a gente nunca espera), mas nao posso deixar de agradecer a tao grande simpatia, viu? valeu mesmo! =*

Rita disse...

Borboleta, seus textos são tão gostosos que fica difícil reparar no tamanho da letra. Vou continuar lendo nem que eu precise de lupa.

Again and again, obrigada pela divulgação dos dois posts, o do concurso e o sobre a nossa presidenta. Os dois meio que se fundem, reparou: menina pode, sim. Aff, vou ter de botar isso hoje lá, né, é o dia. E o medo? Do segundo turno, eu, a medrosa? Pânico, te contei? Pois tô.

E, Peterson, pelamordedeus, muito obrigada pelo voto e pelo carinho no comentário. Quase rasguei a boca do largo que foi o sorriso. Vumbora eleger a mulher. Pode dar o primeiro voto para ela que, se ela for eleita amanhã e meu post tiver zero votos na semana que vem vou ser feliz igual. :-)

No mais, Borboleta, post bom, post bom.

Beijos
Rita

Danielle Martins disse...

E eu virei mais gente????? Sei não!!!!

Belos e Malvados disse...

O R.Downey Junior é meu sonho de consumo desde que me entendo por gente. Lembro do primeiro filme que assisti com ele: Abaixo de zero, de 1987.

Borboletas nos Olhos disse...

Belos, siimmm, sonho!

Dani, discrição é o nosso esporte.

Rita, nem sei, quer ser minha amiga e tomar café com bolo comemorando a vitória da Dilma?

Luci, que culpa podemos ter de sermos assim, irresistíveis? rsrsr. Ah, Javier eu queeeerrrooo!

HG, gostei muito do pro favor aí cheio de consoantes...

Peterson, expressou-se brilhantemente. E que lindo dizer que tem olhos borboletas. Tocou-me. Só por isso vou escrever as tais centenas de posts sem propósito e sempre que ler algum pode subentender: dedicado ao cara das vinhetas. Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...