sábado, 6 de março de 2010

Sul Maravilha

Estou de viagem marcada. Ué, você não acabou de chegar? Foi, mas estava de promoção, economizei. Mas se você não viajar não gasta nada, onde está a economia? E por aí afora, noite adentro, tatatitatatá...Eu e eu mesma. Quase nome de filme. Só faltou a Irene. Mas então é isso. Eu vou. Passagem comprada, mala já arrumada na cabeça. A graúna aqui vai pro Sul Maravilha. Vou ver meus chamegos. Estou com isso no pensamento desde que cheguei de viagem. É quase como se precisasse vê-los, dar um cheiro, conversar noite adentro pra tudo que vivi ultimamente ficar totalmente real. Como se o Colosso dependesse da aprovação deles pra virar pedra e sangue como de fato é. São duas coisas que sempre foram importantes pra mim mas que parecem voltar ao seu lugar de destaque: amigos e viagens.
Primeiro os amigos. Eu os amo, mas como já disse zilhões de vezes, sou uma graúna descuidada. E se já sou assim no normal (eu, normal? alguma vez?) imagine no meio de um relacionamento vampiro. Pois bem. Agora, parece que meus amigos foram soltos depois de longo cativeiro porque o que tenho recebido de amor e cuidado é uma festa. Vá la, eu sei que eles sempre estiveram por perto, cuidando, eu é que estava presa no meu mundo de fantasia e não reparava. Mas que tem sido bom, lá isso tem. E eu tenho amigos de todo naipe, de todo jeito e qualidade. Tenho amigo/parente, amiga brigona, amiga ausente, amiga continente, amiga perto /longe /casada /solteira /louro /careca /cabeludo /capitão...igual aquela brincadeira de pular corda. Tenho amigo novo que mora depois de um oceano. Tenho amigo baiano que liga depois de dez anos e me diz que estou bonita. Tenho amigo que me deixa de coração na mão ao passar por terremotos. Tenho amigos/irmãos que seguram minha mão e coração quando eu atravesso meus terremotos pessoais. Tem amiga fofa que me dá moedinhas de euro pra eu pegar carrinho de bagagem e eu gasto tudo em fontes cinematográficas. Tenho amiga que dirige tempos e tempos só pra não deixar eu chorar sozinha. Tem amiga que faz perguntas que eu não sei responder nem por decreto e que propõe rifas pra me fazer mais feliz. Tenho amiga que topa qualquer coisa. Tenho amiga que pondera. Tenho amiga que diz tudo, tipo tava sentindo falta de você assim solteira e namoradeira. Tenho amiga que cala e bota a cabeça no meu colo pra me consolar. Tenho amiga que lê pra mim pelo telefone. Tenho estes dois fofos que são casa, folia e consolo, tudo ao mesmo tempo.
E tem a minha verve cigana. Não que eu saiba dançar, ler mãos ou apresente olhar misterioso e sedutor. Nada disso, sou mesmo é bandoleira. Rueira. Andadeira (mamadeira, bananeira, lapiseira, vamos viajar na maionese, não importa, o que importa é viajar). Eu me lembro de viagens ao interior do Ceará, minha mãe acordando a gente só o suficiente pra eu me arrastar até o carro, encostar no vidro da janela e seguir num cochilo gostoso até o lugar ansiado. E de lá pra cá, amo cada vez mais a estrada. Pode ser viagem de carro, moto, avião, carroça, jegue...não tem importância. Claro que conforto importa, mas ainda mais importante é o deslocamento. Gosto do caminho. Pode ser viagem a trabalho ou só pra rever alguém. Pode ser viagem de impulso ou planejada e desejada. O que eu gosto, quero, preciso, é não ficar. Nômade. Por mais que eu queira minha casa, meu canto, ninho, sei lá como chame, eu quero mais o mundo. A casa é mais pra receber o mundo/amigos e ter pouso pra minha cria. Eu, eu mesma e, talvez a Irene, queríamos mesmo é ter sempre a mala na mão. Na falta de, levo no meu juízo.

6 comentários:

Aline disse...

Eu quero ir tambenhê!

Danielle disse...

eu também!
Ah! por curiosidade... qual amiga me encaixo?

Ana disse...

Lu, eu ia fazer um comentario com uma palavra (palavrao?), bem eu mesma, mas em respeito a voce que diz namorar em vez de transar, to sem saber o que dizer.
Ah, ja sei. Vou mandar por email.
E vamos fazer a rifa. :)

ALEX disse...

SEJA BEM VINDA DE VOLTA!

VOCÊ CONHECE, AQUELA MUSICA...

"LEVANTA SACODE A POEIRA E DAR VOLTA POR CIMA"....

QUANDO QUISER VOLTAR A BOA TERRA VENHA VIU....

AS CASAS ESTÃO A SUA DISPOSIÇÃO

UM CHEIRO

Paulo Roberto disse...

Eba!!!! Tô doidim que vc venha logo...antes disso te vejo aí !!!

Lica disse...

É muito bom ter amigos. Bem vinda à vida, irmã!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...