terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Ha qualcosa da dichiarare? (II)

Hoje, dei uma voltinha sozinha. E estava frio paca. Eu estava gelada por fora e por dentro. Quem me conhece sabe que meu senso de orientação é um terror e, casado com minha timidez, poderia me deixar na rua pra sempre...Mas eu consegui voltar. Andei por aí, tirei fotos, sentei à beira mar pra ler um pouco e, até, comprei duas rosquinhas, pra mim e pra Aninha. A Itália me fascina tanto quanto estar na Itália, dá pra entender? Gosto do ar antigo que acompanha o anúncio de novos celulares, gosto do som da fala rápida e musical nas ruas, gosto da elegância das pessoas...Sair só foi uma aventura, foi - melhor dizendo - a materialização da aventura de estar aqui, com um oceano de distância da minha casa, com saudade de tantos, preocupada com minha irmãzinha.
Estar aqui também tem me ensinado como o amor alcança longe. Sinto-me cuidada, embalada pelo afeto de tantos que, no Brasil, divertem-se comigo. Curtem minha viagem tanto quanto eu. Curtem que eu esteja viajando e vendo tanta beleza. O amor inspira, anima, dá um empurrãozinho. Família, amigos, viagem, Itália, champanhe francesa, anfitriões carinhosos, enfim...

3 comentários:

Paulo Roberto disse...

A Itália é mesmo especial: tem cores, sabores, beleza muito próprios e poder estar aí se repensando, deixando o teu sentimento vir à tona e reavaliando mesmo que intuitivamente vários aspectos da tua vida vai provocar mudanças importantes e te ajudar muito na volta pro Brasil. Eu, aqui, sigo torcendo e vibrando e, engraçado, feliz demais por você!!!

Paulo Roberto disse...

Olha do que me lembrei: “Uma das coisas que aprendi é que se deve viver apesar de. Apesar de, se deve comer. Apesar de, se deve amar. Apesar de, se deve morrer. Inclusive muitas vezes é o próprio apesar de que nos empurra para a frente. Foi o apesar de que me deu uma angústia que insatisfeita foi a criadora de minha própria vida (...)” - CL

Aline disse...

Amiga,
Demorei a vir aqui desde q vc viajou e... puxa! Amei os posts!. Foi um jeito de compensar um pouquinho a chatice que é não poder estar contigo aí! Ahhh!
Sei q o tempo aí deve estar curtíssimo, mas vê se conta mais, o que tu tá sentido, o que tu tá achando, desse jeito maravilhoso que só tu sabe!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...