quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Rotina? Viva!


Creio que sou mais Tigre que Calvin. Gosto do conforto. Do bem estar. De me enrodilhar no colo do meu amor e ficar vendo o tempo passar, apreciando meu filho crescer em rápida brincadeira. Economizo nas passadas, nas jornadas, nos riscos e rabiscos. Ninguém espere me encontrar em rappel, corredeiras, escaladas... não estarei lá. Gosto de colchão macio, vinho na taça, belas imagens. Gosto de dormir, embora possa passar noites acordada em solenes vigílias ou alegres noitadas. Eu não preciso ir lá fora pra saber que está frio. Não preciso do desprazer pra reconhecer o gostoso. Não preciso aprender sofrendo, aprendo também com o riso e o bem viver. Sou amiga de mim, do meu corpo, da minha morte. Aprecio as coisas fáceis (inclusive os homens). Gosto do que eu sei de cara, sem subterfúgios. Gosto de Mozart e do seu populacho. Gosto do realismo de Machado de Assis. Gosto de saber o que vem amanhã e depois de amanhã e depois de depois de amanhã. Gosto de pensar num futuro construído devagarzinho, com amor, desejo, ternura. Gosto de deixar minha mão esquecida na dele. Gosto de flambar e deixar em fogo baixo. Gosto de gostar. É bom viver bem. Só deixa um pouco de incompreensão: não entendo e nem perdôo aqueles que não querem ser contentes, aqueles que se expôem ao risco físico, aqueles que vão lá fora brincar no frio. Eu aprendi a ver a beleza do que se repete. Se é bom, eu quero é mais. E me divirto rindo de mim mesma e de como sou paba. Aliás, me divirto. Como um dos meus alters:


4 comentários:

Dani disse...

Amei!Senti-me como co-autora... rsrs. Não sei porque as pessoas complicam tanto a vida. Nós sabemos apreciar o lado bom da vida!Beijos!

Adryana disse...

Sou igualzinha! A única GRANDE emoção que eu gostaria de ter, seria ganhar na mega sena....

ALEX disse...

Você tem realmente certeza, que não nasceu em Salvador???

Um cheiro! Alex

Renata Lins disse...

E isso não parece você, pra mim. Parece eu, que sou tão assim que já disse, em começo de namoro: "queria já estar com você há um ano, há dois anos. Ter história, acabar esse sufoco, ser mais tranquilo."
Começo de história é febre. Eu gosto de rotina. Beijo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...