quarta-feira, 3 de junho de 2009

Pintando o Sete (Primeira Temporada: Sete Pecados)

Bom, vou confessar logo de cara: achei incrível a idéia da Liana (http://imagem-semelhanca.blogspot.com/) de fazer uma série. Pois é, fiquei com inveja. Rapidamente resolvi este problema, vou criar uma série também: toda quarta aqui (se) pinta o sete. Por quê o sete como tema? Bom, tudo começou com a inveja, a inveja é um dos sete pecados, uma coisa puxa a outra...Taí o que deu. Tem tanta coisa legal sobre o sete...por exemplo: sete sábios da Grécia Antiga, sete dias na semana, sete anões, sete cabeças da hidra de Lerna, sete notas musicais, sete palmos das sepulturas, as sete trombetas do apocalypse, as sete virtudes, as sete linhas de Orixá da Umbanda, e por aí vai.

Então, vamos à inveja. Antes de mais nada, é preciso realçar que que, mesmo a deusa da sabedoria - Atena - já sentiu inveja. Pelo menos pra mim é um alento, afinal diz-me com quem andas que te direi quem és, pois bem, ando com a deusa da sabedoria. Continuando, no dicionário, encontramos inveja como sf (lat invidia) 1 Desgosto, ódio ou pesar por prosperidade ou alegria de outrem. 2 Desejo de possuir ou gozar algum bem que outrem possui ou desfruta. 3 O objeto que provoca esse desejo. Eu sinto muita inveja, especialmente neste segundo sentido. Tenho inveja de qualquer coisa ou pessoa sobre quem teus olhos ou mãos pousem mesmo que rapidamente, desejo todos os teus olhares e toques pra mim. Não tenho tanto ódio, desgosto ou pesar, o que me incomoda mesmo é o desejo de gozar da atenção que emprestas, mesmo temporariamente, a qualquer outra coisa.

A origem latina da palavra inveja é "invidere" que significa "não ver", a inveja cega. Sei que sou injusta na minha inveja, não vejo a atenção, o cuidado, o carinho, os olhos e mãos que me dedicas. A inveja só me permite ver o que não tenho. Reflito um pouco sobre a diferença entre minha inveja e o ciúme. Recorro novamente ao dicionário: Ciúme: sm (lat vulg *zelumen) 1 Inquietação mental causada por suspeita ou receio de rivalidade no amor ou em outra aspiração. 2 Vigilância ansiosa ou suspeitosa nascida dessa inquietação. 3 Ressentimento invejoso contra um rival ou suposto rival mais eficiente ou mais bem-sucedido, ou contra o possessor de uma vantagem material ou intelectual cobiçada. Percebo que o que sinto é mais inveja do que ciúme. Não temo ou me inquieto em suspeitas de rivalidade no amor. Sei que somos um para o outro. Sei que ficaremos juntos. Que estamos juntos. Mas quero mais e invejo quem tem um pouco do que julgo ser meu.

Descubro, continuando a flanar (yes, como borboleta eu flano) na internet que o verbo invejar deriva do homólogo latino invideo que etimologicamente significa «olhar excessivamente para…». Veja que bela contradição, eu vejo coisas que não deveria ver, vejo mais do que o que acontece, superdimensiono algumas poucas situações e "tam-ram" fico cega para a realidade.
Sim, a inveja é um monstro de olhos verdes como encontro em Shakspeare. A inveja não é bonita. Não me agrada senti-la. Detesto-a porque ela me faz mesquinha, rancorosa, injusta, maledicente. Mas, como já disse Madonna "tenho inveja das pessoas que não têm inveja de nada."


Athena visita a inveja - infelizmente não posso dar os créditos pois achei no google imagens...

9 comentários:

Aline disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Aline disse...

Sua invejosa! Rsrsrs Te acho impressionante: pega uma coisa, e vai longe... Essa inveja nõa é incrível? Mas diz uma coisa, tu já teve inveja de alguma famosa? Eu já! Não só de uma! Olha, olha, o olho gordo, Borboleta!!

Liana disse...

Te odeio.

Mais uma vez o aprendiz supera o mestre. O invejoso supera o invejado.

Borboleta inxirida!

Borboletas nos Olhos disse...

Breve darei informações que indicam que famosa sou eu!kkkk
Bom, inveja de gente importante, acho que tenho da Marieta Severo, pôxa, passar anos dormindo e acordando com o Chico é de dar inveja...

Aline disse...

De fato.

Hertenha Glauce disse...

De acordo.... dormir e acordar c Chico!!! Aiiiiii!
Mas existe a inveja "branca". aquela que não faz mal a ninguém!!! Já senti, sim!

Contra a Maré disse...

Não entendi a série...
Afinal, que série é essa?
Já tô com inveja de fazer uma série sem série...

Borboletas nos Olhos disse...

Série de seriado, amigo évio, como aqueles viciantes da Tv por assinatura, cada semana um episódio novo. Então você já sabe que na próxima quarta um dos meus posts é sobre um dos sete pecados e assim sucessivamente. Fui clara ou piorou?

Contra a Maré disse...

Tem de falar dos 7 pecados e depois criar mais uns 30 pecados modernos... isso dá uma série... rsrsrs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...