domingo, 21 de junho de 2009

Injustiças

Não gosto muito de falar da minha intimidade, mas preciso dizer: estou num belo quarto de hotel, com tempo e com uma banheira. Sozinha. Cadê meu amor? Em outra cidade, na nossa cidade. Eu aqui, preparando uma apresentação em um evento acadêmico e desejando que já fosse minha lua-de-mel.
Sou grudenta. Esta é a minha verdade. Prefiro fazer tudo com meu amor, desde comprar pão a trabalhar. Exagero, às vezes, e ele reclama. Mas, ainda assim, permanecemos. Tenho o projeto de ter duas tvs no quarto, uma de cada lado da cama pra vermos nossos programas juntos/separados. Porque temos gostos distintíssimos, ele prefere bichos e aventuras e eu os seriados cafonas da sony/universal/warner. Perguntam-me porque um dos dois não poderia ver tv na sala. Respondo: porque não quero me afastar dele.
Não é que eu não pudesse ser uma pessoa só. Poderia, se não o amasse. Tenho livros, filmes, amigos, tem a rua e os bares. Além disso adoro minha própria companhia: uma taça de vinho, um bom livro, a cadeira diante da janela...Mas ele existe e tudo isso para de ter sentido. Enquanto estivermos juntos gosto de ficar junto, junto mesmo.
Neste contexto, dá pra entender a angústia de morar em outro estado. Sinto falta de ser um casal. Gosto de dormir/acordar junto, cozinhar pros meus dois homens, acompanhar o dia a dia do restaurante, ser acompanhada na minha correção de provas e trabalhos, rir, visitar amigos...Sinto falta do cotidiano. Não sou dos que sabem aproveitar a saudade. Eu, não. Mudei. Estou mais triste, ranzinza, ciumenta, chata mesmo. Mas o bom do tempo é que ele passa. Muda o tempo e muda a vida. Já está decidido ou ele vai ou eu vou. Longe, eu não aguento muito. E, nos próximos congressos e banheiras, espero ter companhia.

5 comentários:

Contra a Maré disse...

Terça feira.

Anônimo disse...

rsrsrs... esse foi só pra ele! Beijinhos!
Dani

Liana disse...

Ele vai, ele vai!

Anônimo disse...

Me permite; humilde conselho... tv no quarto: mata tudo, paixão, etc...
e DUAS Tvs!... ahhh...
Um abrazo.

Anônimo disse...

anónimo sou eu: Ricardo.(sorry)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...